RECOMENDAÇÕES DA SEMANA #2

Esta foi uma semana particularmente longa e exigente, mas muito rica em descobertas. Aqui ficam as recomendações desta semana, que englobam eventos e festivais online, um livro infantil sobre identidade de género, uma nova colecção de uma ilustradora portuguesa e um documentário sobre uma zoóloga.

[evento] O “Workshop sobre (des)igualdade de género no trabalho” dado pela He for She (Portugal) no âmbito do “Youth Speak Forum”, a decorrer este sábado, dia 17, entre as 10h e as 18h30. Este workshop em particular acontece pelas 15h15 e é online e gratuito. O “Youth Speak Forum” pretende ser uma plataforma de discussão inclusiva, sendo esta a primeira edição da conferência que contará com a presença de empresas, organizações e personalidades no espectro do ativismo (fazer a inscrição no “Youth Speak Forum”).

[música] Fiona Apple apresentou pela primeira vez ao vivo três músicas do seu mais recente álbum, “Fetch the Bolt Cutters”, no festival online da revista The New Yorker (que decorreu entre 5 e 11 de Outubro). Apple atuou a partir de um estúdio no Alabama, acompanhada pela sua banda, e podem ser encontrados no YouTube alguns vídeos não oficiais do evento. Para quem chegou aqui há pouco tempo, devo referir que o primeiro post deste blog foi precisamente sobre o novo álbum de Fiona Apple e intitula-se 6 Curiosidades sobre Fetch the Bolt Cutters.

[livro] A escolha desta semana vai para uma novidade que foi anunciada há poucos dias e que certamente fará parte da biblioteca que estou a construir para o mais pequeno habitante desta casa. Trata-se de “Menino, Menina” de Joana Estrela (@dortyparker no instagram), pela Planeta Tangerina. É um livro que celebra a diversidade, a liberdade e o respeito por todos, abordando a identidade de género com humor e sensibilidade (comprar o livro).

[ilustração] A nova linha de T-shirts, Camisolas, Sweatshirts e Sacos de Pano da Mafalda Fernandes (@aoutramafalda no instagram e no YouTube) já está em pré-venda (até dia 17 de Outubro) na loja online, Nuts for Paper, e eu não resisti em comprar o Tote Bag “Tenho, mas ainda não li!”, que não podia ser mais a minha cara (aposto que também deve ser a vossa). Para além dos artigos que referi, também já estão disponíveis as agendas 2020/2021 e voltaram a estar disponíveis Agendas e Cadernos de Leitor, com vários modelos e capas. (aceder à loja)

[documentário] Continuo a explorar o catálogo da RTP Play, como referi nas recomendações da semana anterior. Desta vez a escolha recaiu em A Mulher que Ama as Girafas, de Alison Reid, sobre a zoóloga canadiana Anne Innis Dagg que em 1956, com apenas 23 anos, foi sozinha até África, estudar o comportamento das girafas em estado selvagem. Apesar de todo o seu trabalho de pesquisa, nos anos 1970, Anne Dagg deparou-se com barreiras intransponíveis como cientista do sexo feminino, voltando apenas em 2010 ao mundo das girafas. Um documentário inspirador e emocionante (assistir ao documentário).

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s